Baumkuchen

Esta famosa iguaria da culinária alemã foi criada na cidade de Salzwedel, no estado da Alta Saxônia. O Baumkuchen (ou Bolo Árvore) se chama assim pois quando cortado possui anéis que lembram os de um tronco, mas também porque inicialmente ele era assado em um tronco rotatório de madeira. O bolo assado em camadas e em fogo aberto é amanteigado e feito com especiarias. A receita é tão antiga que na época de sua criação ainda não existia fermento em pó. Em seu lugar eram (e ainda são) usadas claras em neve para dar estrutura ao bolo. Se você não passar pela Alta Saxônia, não se preocupe, pois o bolo é tão famoso que atualmente pode ser encontrado em diversas outras cidades da Alemanha.

Schneeball

Doce que lembra o formato de uma bola de neve

A Schneeball ou “bola de neve” em português é um doce tradicionalmente feito apenas com açúcar, porém atualmente existem diversas versões como as que levam chocolate, canela (minha preferida), nozes etc. Ela é feita com várias camadas de uma massa amanteigada que é frita. O doce tem formato arredondado e o açúcar branco polvilhado lembra uma bola de neve, sendo essa a razão de seu nome. No passado a Schneeball era produzida apenas em ocasiões especiais e era entregue como uma lembrança em casamentos, batizados e festividades, tornando-se popular com o passar do tempo. O doce é tradicional da região de Dinkelsbühl e Rothenburg, cidades que fazem parte da Rota Romântica, mas pode ser encontrado em outras cidades como Heidelberg, por exemplo.

Streuselkuchen (cuca)

A cuca brasileira leva outro nome na Alemanha

O Streuselkuchen, ou em tradução livre Bolo Granulado, é um bolo de tabuleiro com uma espécie de “farofinha” ou grânulos por cima. Sua origem ocorreu basicamente nas regiões fronteiriças entre a Alemanha, Polônia e República Tcheca, mas se popularizou também no sul do Brasil por conta da influência dos imigrantes alemães no séc. XIX. No Brasil, a cuca pode ser servida pura, com uma camada de goiabada (uma mistura deliciosa!), banana ou uva. Já na Alemanha ela é geralmente servida com cereja, maçã, ruibarbo ou até mesmo pura e é bastante popular em todo o país. Seja no Brasil ou em terras germânicas, vale a pena experimentar um pedaço e a versão com cerejas é minha favorita! 

Bolo Floresta Negra (Schwarzwälder Kirschtorte)

O bolo Floresta Negra leva cerejas, creme e chocolate e é um dos preferidos dos alemães

Uma das sobremesas mais famosas da Alemanha, o bolo Floresta Negra supostamente leva esse nome por conta da região onde foi criado. Existe, porém, outra versão que diz que o bolo teria sido inventado em Bonn, e somente mais tarde o criador se mudaria para a região sul do país. O fato é que as cerejas cozidas e servidas com creme já eram degustadas na região da Floresta Negra há bastante tempo, o que seria praticamente a essência do bolo que levaria o nome da região. Independentemente de sua origem, o bolo (ou torta, como é chamado por aqui) é certamente um dos preferidos entre os alemães e uma das sobremesas mais conhecidas fora do país. No Brasil ele também é bem fácil de se encontrar, mas a versão alemã costuma levar menos açúcar e é uma verdadeira e irresistível delícia!

Kaiserschmarrn

Kaiserschmarrn é uma panqueca cortada grosseiramente e servida com frutas

Ok, essa não é exatamente uma receita originalmente alemã e sim austríaca, mas é também bastante popular na Alemanha. Segundo a lenda mais famosa, o prato foi feito para a imperatriz Elisabeth, esposa do imperador (“Kaiser” em alemão) Franz Joseph I. A imperatriz não aprovou o doce mas seu marido sim, e é por isso que o nome da sobremesa é Kaiserschmarrn (“massa açucarada do imperador”, em tradução livre). Ela consiste basicamente de uma massa de panqueca grosseiramente cortada e acompanhada, na maioria das vezes, de passas ao rum, purê de maçã ou maçã em pedaços com passas. Antigamente ela era servida apenas às sextas-feiras na região da Baviera pois, segundo a tradição católica, era proibido comer carne nesse dia da semana e, por isso, era usada como prato principal nas casas mais pobres. Atualmente essa regra não existe mais, mas muitas famílias ainda seguem a tradição de comer a sobremesa nas sextas-feiras. Hoje ela é ainda bastante popular no sul da Alemanha e na Áustria e é muito deliciosa! 

Apfelstrudel

O famoso Apfelstrudel não nasceu na Alemanha mas é bastante popular por aqui

A origem mais aceita do doce vem do Oriente Médio, que teria sido trazido para a Europa pelos mouros. Por bastante tempo os húngaros também foram responsáveis por tornar o doce tão conhecido. Depois da Hungria, a receita se popularizou na Áustria e, mais tarde, na Alemanha. A versão atual é feita com uma massa bem fininha e elástica, recheada de maçã, canela e passas e é servida com uma calda quente de baunilha. O Strudel, porém, pode levar muitos recheios ou até mesmo ser servido em sua versão salgada com repolho. O segredo do doce é não levar muito açúcar para permitir que o sabor e a suculência das frutas se destaquem ainda mais.

Gostou de saber mais um pouco sobre as delícias açucaradas da Alemanha? Esta foi apenas uma pequena amostra das saborosas sobremesas do país. Acompanhe nossos posts para futuras publicações que darão água na boca! Afinal, faz parte da viagem descobrir as delícias de um lugar.

Publicado por:Bruna Veronese

Apaixonada por viagens e determinada a inspirar mais pessoas a bordejar pela Europa.